Skip navigation

Hypermarcas compra Pom Pom e entra no mercado de fraldas

Com muito dinheiro em caixa, a Hypermarcas continua as compras e acaba de adquirir a Pom Pom – especializada na fabricação de fraldas infantis e geriátricas – por R$300 milhões. No segmento infantil, a marca Pom Pom é a quinta mais vendida no Brasil, atrás de empresas como Procter & Gamble e Kimberly-Clark. Com a marca BigFral, a empresa lidera o segmento de fraldas geriátricas, com cerca de 40% de participação.

O segmento de descartáveis, que inclui fraldas geriátricas e infantis, além de absorventes, faturou no ano passado no País por volta de R$ 4 bilhões (R$ 3 bilhões só com a linha infantil). Como Pom Pom nem Hypermarcas tem produtos na categoria de absorventes, este deve ser o próximo passo: aquisição de uma marca de absorventes.

De acordo com reportagem do Estado de SP:

“A aquisição da Pom Pom confirma o interesse da companhia pelo segmento infantil. De 2007 para 2008, as vendas de itens de higiene pessoal infantil cresceram 32% no Brasil. No mundo, esse é um segmento que movimentou no ano passado US$ 5,8 bilhões (preço ao consumidor).

O País é dono de 12,7% desse volume, atrás apenas dos Estados Unidos (com 13,9% de participação), e a previsão da associação que representa os fabricantes, a Abihpec, é que em 2009 o Brasil passe a ocupar o primeiro lugar no mercado global. A China, a terceira no ranking do instituto de pesquisa Euromonitor, detém 6,6%, de acordo com as vendas de 2008.”

Acho que incluir Pom Pom na linha de produtos atuais (incluindo medicamentos e cosméticos) também aumenta a força da Hypermarcas no canal farmacêutico, já que pelo menos 30% do mercado de fraldas se dá nesse setor.

Único cuidado para a Hypermarcas é que, ao contrário de cosméticos e medicamentos, fraldas tem margem muito pequena e ganham no volume e na eficiência de operação. Isso é muito difícil de manter quando se tem uma extensa e diversa linha de produtos, e muitas aquisições. Vale ficar de olho.

Abaixo propaganda de Pom Pom que estava na TV até pouco tempo.

Post Relacionado
Hypermarcas compra Hydrogen de Silvio Santos

Comente

Required fields are marked *
*
*

%d blogueiros gostam disto: