Skip navigation

Crise das Montadoras de Automóveis é de Branding

Os problemas das montadoras de automóveis são resultado da crise econômica mundial, não é? Bem…

Seguindo apenas os fundamentos de branding e estratégia, Al Ries (marketing guru) vem falando há pelo menos 10 anos que as montadoras americanas estavam afundando. Que se não mudassem o rumo quebrariam, sumiriam.

Falta foco. O número de marcas de carros é gigantesco (alguém consegue dizer quantos carros a GM comercializa no Brasil?). Os nomes são confusos, não dizem nada. Falta conceito. Não existe diferenciação entre as marcas nem da mesma montadora, nem entre montadoras (com poucas exceções). As campanhas de marketing são vergonhosas (com algumas exceções).

As montadoras gastaram $9.6 bilhões de dólares em advertising apenas nos EUA entre Janeiro e Setembro de 2008… e nem assim conseguem diferenciar uma marca da outra. De que adianta gastar uma fortuna comunicando algo confuso, irrelevante?

Recentemente, a GM anunciou que iria cortar parte do budget de advertising até 2012 (?). Os “especialistas de marketing” disseram que isso poderia prejudicar a empresa. Sério? Eu digo que se eles investissem mais em boas estratégias que levassem a bons produtos, eles precisariam de muito menos investimento para construir grandes marcas. Do jeito que está, estão apenas jogando dinheiro fora.

Espero que um dia eles acertem. Não é toda indústria que tem a chance de ser ressuscitada depois de morta.

Parabéns ao Al Ries que teve coragem de levantar os problemas das montadoras (símbolo americano) quando ninguém mais queria fazê-lo.

Comente

Required fields are marked *
*
*

%d blogueiros gostam disto: